Seguidores

09 julho 2009

A bela Brigitte Bardot

Brigitte Bardot é a minha terapia, o meu ponto de referência, a minha bússola existencial. Nunca houve, na minha opinião, na minha impressão afetiva, mulher mais sexy. O seu sexyappeal (ainda se fala nesta palavra?) é fenomenal. Levei alguns anos para poder ver ...E Deus criou a mulher, (...Et Dieu créea la femme), de Roger Vadim, porque, quando lançado, menino de calças curtas, não pude entrar (era rigorosamente proibido para menores de 18 anos e tinha, nesta ocasião, 7 ou 8). Passados alguns anos, ainda que menor, numa reprise, consegui furar o bloqueio e entrei. Ficou na memória para sempre a sua imagem.
Clique na foto para vê-la mais bela e mais ampla.

4 comentários:

Romero Azevêdo disse...

Setaro, por acaso reví hoje a tarde "O desprezo".

Os versos abaixo são de Zeca Baleiro, cantor/compositor maranhense:

"a saudade
é uma colcha velha
que cobriu um dia
numa noite fria
nosso amor em brasa
a saudade
é brigitte bardot
acenando com a mão
num filme muito antigo"

Jonga Olivieri disse...

Inesquecível BB.
Eu já sou do tipo polígamo. Teria que ter um harém para me satisfazer de todas as paixões que tive, ali, olho na tela.
Desde Ann-Margret a Catherine Deneuve, claro que passando por ela: Brigitte.
Sem dúvida um ícone da beleza.

Tucha disse...

Parece que elas, as atrizes, são a fantasia masculina favorita. Lembrei da música de Chico para elas...

Naturalmente
ela sorria
Mas não me dava trela
Trocava a roupa
Na minha frente
E ia bailar sem mais aquela
Escolhia qualquer um
Lançava olhares
Debaixo do meu nariz
Dançava colada
Em novos pares
Com um pé atrás
Com um pé a fim

Lili* disse...

eu coloqei o nome da minha gatinha de brigite por causa dela! adoro esse nome é lindo