Seguidores

28 junho 2007

Os melhores de todos os tempos



A lista que segue, elaborada pelo American Film Institute (AFI) contempla os filmes americanos. Mas não deixa de ser interessante, pois o instituto é sério. Em 1997, o American Film Institute realizou uma ampla votação entre críticos para elaborar a lista dos 100 melhores filmes de todos os tempos. O grande vencedor foi Cidadão Kane, de 1941. Pois uma década depois o AFI voltou a fazer a pesquisa e a liderança permaneceu com o filme dirigido e estrelado por Orson Welles. Tirei do Adoro Cinema que tem o seguinte endereço: http://adorocinema.cidadeinternet.com.br/cinenews/cinenews.asp Aqui no blog publico apenas os trinta primeiros, mas quem quiser conferir a relação completa pode tê-la no link citado. E para saber detalhes sobre cada filme basta clicar no título que o acesso aos dados é dado imediatamente (inclusive os cartazes originais). Confira logo abaixo a relação completa da nova lista elaborada pela AFI:












12 - Rastros de Ódio


14 - Psicose




18 - A General








26 - A Mulher Faz o Homem



30 - Apocalypse now

3 comentários:

Jonga Olivieri disse...

É sempre difícil a classificação dos melhores, muito embora a relação seja bastante honesta e real.
Acho que a unanimidade, porém, está em Cidadão Kane... sem dúvida um filme tão à frente do seu tempo que até hoje ainda é atual.

André Setaro disse...

Numa minha lista hipotética, há filmes de outras cinematografias, principalmente francesa, italiana, japonesa, sem desprezar a americana, que me foi muito importante. A minha formação cinematográfica, o meu 'gostar pelo cinema', verdade seja dita, foi feita pelos grandes westerns, musicais, thrillers, pelo que se chama cinema de gênero. Depois é que vim a conhecer o cinema de autor, Antonioni, Bergman, Fellini, entre tantos. Não poderia deixar de incluir, numa lista, 'Rocco e seus irmãos', de Visconti, filme que me traumatizou quando o vi nos anos 60, ou 'Acossado', de Jean-Luc Godard. E a experiência que tive, adolescente, com 'O eclipse' ('L'eclise') foi fundamental para o meu desenvolvimento de cinéfilo consciente. O próprio 'Deus e o diabo', de Glauber, foi um impacto impressionante. Mas não estou fazendo aqui, neste mero comentário, nenhuma lista e, vale dizer, tenho por 'Cidadão Kane' respeito absoluto. Um que entraria na minha lista, nos primeiros lugares, seria 'Oito e meio', de Federico Fellini.

Tati disse...

Setaro,
Por que você não faz sua lista? Fiquei muito feliz pela AFI ter posto O Poderoso Chefão na lista. Gosto bastante. Pude perceber também que não vi todos os listados! È bom que já tenho uma lista pra alugar. Té mais!