Seguidores

28 novembro 2005

Este blogueiro, numa mesa de bar, acompanhado de muitas louras geladas, deu uma entrevista a pedido do jornalista e crítico de cinema baiano Sandro Santana, que, na ocasião, também comeu muito água, resultando numa conversa de quase duas horas. Entrevista etílica, portanto, mas consciente, embora as opiniões possam ferir algumas susceptibilidades. Não foi o propósito, porém, daquele que respondeu. Quem quiser dar uma olhada, considerando que a entrevista foi feita especialmente para o Coisa de Cinema, pode lê-la se clicar no link que se segue: http://www.coisadecinema.com.br/default.asp

3 comentários:

José Augusto Berbeth disse...

Caro Setaro,

Li sua entrevista, voce está muito parecido comigo, de ideias e de feições.

André Setaro disse...

Não se deve fazer um comentário apócrifo, pois o nome do autor, que se quer passar pelo colunista de A Tarde, saiu escrito errado. O certo é Berbert e não Berberth. O tiro, portanto, saiu pela culatra.

Gabriela Quintela disse...

Olá, professor!

Só pra registrar que gostei muito da entrevista e do texto sobre Cidade baixa, meus parabéns